ROBOTIC ENGLISH TRANSLATION



* * * PENSAMENTO DO MÊS * * *


Tudo o que é belo morre no Homem, mas não na Arte.

Leonardo da Vinci


* * * FRASES MUSICAIS AO ACASO * * *


La Musique avant tout.

Paul Verlaine


* * * Para ver correctamente todas as postagens deste BLOG,
é conveniente instalar previamente no seu PC
os tipos de fontes musicais MusiQwik * * *


IR DIRECTO AOS COMENTÁRIOS DESTE POST.

segunda-feira, Outubro 01, 2007

DIA DA MÚSICA


Erato, Musa da Música

… ela é definida(?) nos compêndios por meia dúzia de palavras (pouco musicais…), algo como “sucessão de sons formando uma frase melódica” ou “a maneira de exprimir sentimentos por meio de sons”…
mas quanto a mim penso limitarem-se essas pseudo-definições ao aspecto exterior e teórico, são definições “a frio”… de facto, como podem elas dar conta do carácter universal e multifacetado de uma das mais antigas formas de Arte conhecidas da Humanidade e que mais contribui para o engrandecimento interior de cada um de nós e desenvolvimento da comunicação com os outros? Haverá outra forma de Arte que possa proporcionar um tão vasto leque de gradações emocionais aos que à sua fruição se entregam? Desde a majestade e grandiloquência, ou talvez melhor, grandissonância… de uma sinfonia de Beethoven ao sentido virtuosismo de um nocturno de Chopin… dos ritmos contagiantes do folclore russo ou espanhol à serenidade infinita de trechos de alguns compositores nórdicos… nunca essas belas ondas do oceano musical deixaram de me fazer experimentar uma miríade de sentimentos, uma diversidade de estados de alma, só possível pela existência daquilo que esta simples palavra − Música − representa…

* Impromptu in A Blue *
(Improviso em Lá Azul)

Texto e Composição da Música - anos 80
Interpretação e registo mp3 - 2006
By Aspásia

Etiquetas: ,

quinta-feira, Setembro 27, 2007

Viola ou... Piano?

quinta-feira, Setembro 06, 2007

CIELO, SI PUÒ MORIR´...
MAS TU NÃO MORRERÁS, LUCIANO !


O GRANDE TENOR DEIXA-NOS... NOS OLHOS, UMA FURTIVA LÁGRIMA, NOS OUVIDOS, OS ECOS DA SUA VOZ...

NON MORIRAI MAI! GRAZIE, LUCIANO !

Etiquetas: ,